Pesquisa personalizada

Jacytan Melo Produções_Atrações Exclusivas_2013/2014

sábado, 20 de novembro de 2010

Banda Semente de Vulcão: Psicodelismo e Sinestesias


    A história tem sido sempre a mesma: vontades, desejos, inspirações, vocação e musicalidade, ingredientes necessário para se formar um grupo ou banda. Tive essa experiência há 28 anos passados e se repete com os grupos atuais. A grande diferença é o elemento chamado profissionalismo, mediador de todos sonhos e desejos. Semente de Vulcão não poderia ser diferente. Nascida no começo de 2008, seis cabeças pensantes de diferentes idéias, unidas num só ideal, juntam-se e decidem tocar músicas autorais nos mais diferentes lugares. Navegando por mares diferentes, optam pela maioria dos instrumentais acústico para fazer um som bem diferente (violão, craviola, bandolim, cajon, zabumba, triângulo e pandeiro), para que o som se fizesse ouvir até em locais abertos e sem o auxílio da mesa de som.

    OS CARAS – Fazendo o vocal e violão, João Menelau e Marcelo Araújo; no contrabaixo, violão e vocal, Ruan Andrade; no violão craviola e bandolim, Leonardo Stegmann; e na percussão, Rostan Júnior e Anderson Lopes.

    As composições do grupo Semente de Vulcão são regionais, carregadas de psicodelismo e sinestesias. Também compõem o repertório músicas de protesto e românticas. Servindo de inspiração toques de Ave Sangria, Secos e Molhados, do Tropicalismo e Beatles, ouvindo com atenção encontramos todos esses ingredientes inspiradores em várias composições. O primeiro EP do grupo foi gravado em novembro de 2008, com seis músicas autorais de peso: “Olho de furacão”, “Morena do espaço”, “Semente de vulcão”, “Boi encantado” e “Espécie”.

PERFORMANCE – O show do grupo é bastante interessante, constantemente os músicos estão trocando de posições. Os integrantes se revezam nos instrumentos acústicos, percussões e vocais durante as apresentações. Caras pintadas, sons fugindo do óbvio, letras bastantes inteligentes e expressões fortes deixando uma impressão positiva diante do espectador, fazendo-os ficar sintonizados o tempo todo com os músicos do início ao fim do espetáculo musical. Vale a pena ver e ouvir. Vida longa ao Semente de Vulcão.

PRÓXIMOS SHOWS DA SEMENTE DE VULCÃO:

21/11 (dom) - Cena Brasil, às 21h, na Praça do Carmo, Olinda

27/11 (sáb) - ExpoIdeia, às 20h, no Marco Zero!


Contato:
Fone (81) 8806-5312
sementedevulcao@gmail.com
www.myspace.com/sementedevulcao